DESCUBRA O EGIPTO

Que melhor forma de conhecer o Egipto do que navegar pelas águas do Nilo? Uma viagem que lhe vai permitir descobrir uma das civilizações mais antigas do mundo. O templo de Karnak, as pirâmides de Gizé, Abu Simbel, centenas de monumentos que fazem deste país incrível Património da Humanidade. Também vai poder sentir a agitação das suas ruas e bazares, as delícias da sua gastronomia e a simpatia do seu povo. Uma experiência que tem que viver, pelo menos, uma vez na vida.

8 dias / 7 noites

desde 989 €

DIA 1. MADRID - LUXOR

Embarque em voo regular especial directo a Luxor. Chegada a Luxor, assistência pelo nosso representante em língua espanhola, formalidades de visto, recolha de bagagem e transfere para o cruzeiro. Check-in, jantar e alojamento.

DIA 2. LUXOR - ESNA - EDFU

Pensão completa a bordo. Dia dedicado à descoberta da maravilhosa cidade de Luxor, que cresceu a partir das ruínas de Tebas, antiga capital do Império Novo. De manhã, visita à margem ocidental do Rio Nilo, Património da Humanidade desde 1979 para conhecer a majestosa Necrópole de Tebas. Visita ao Vale dos Reis, ao templo de Hatshepsut, a rainha-faraó que mais tempo ocupou o trono, e aos Colossos de Memnon, duas estátuas gigantescas que representam o faraó Amenhotep III. Depois do almoço, visita aos templos de Luxor e Karnak, dos mais espectaculares do Egipto, outrora ligados pela mítica Avenida das Esfinges, com 3 km de extensão. Regresso ao barco, jantar e alojamento. Início da navegação para Edfu, com passagem da Eclusa de Esna.

DIA 3. EDFU - KOM OMBO - ASSUÃO

Pensão completa a bordo. De manhã, visita ao templo de Edfu, dedicado ao Deus Hórus - o Deus Falcão - é o segundo maior do Egipto, a seguir ao de Karnak, e também o mais bem preservado. Navegação até Kom Ombo. Visita ao templo dedicado aos Deuses Sobek e Haroeris. A metade sul do templo era dedicada a Sobek, Deus da fertilidade e criador do mundo e a metade Norte a Haroeris, 'Horus o velho', Deus do céu, da guerra e da caça - considerado o pai da civilização egípcia. É um templo atípico devido à sua simetria, em relação ao eixo principal. Navegação com destino a Assuão.

DIA 4. ASSUÃO

Pensão completa a bordo. Manhã livre para desfrutar do barco ou participar em excursões opcionais a locais como a Grande Barragem ou o obelisco inacabado. Almoço no barco. De tarde, saída para visita ao Templo de Philae, dedicado à Deusa Ísis, e rodeado por outros Templos e pelo famoso Quiosque de Trajano, templo egípcio mandado construir pelo imperador romano. Noite a bordo, em Assuão.

DIA 5. ASSUÃO - CAIRO

Pequeno almoço a bordo. Em hora a indicar localmente, saída em autocarro para a excursão opcional a Abu Simbel, onde se encontram os Templos de Ramsés II e de sua esposa Nefertari. Estes impressionantes templos foram escavados na rocha durante o reinado de Ramsés II, para comemorar a vitória na batalha de Kadesh e mostrar o seu poder aos Núbios. Na sequência da construção da Barragem de Assuão, a localização original deste complexo encontra-se actualmente submersa; em 1968 a UNESCO promoveu a desmontagem, transporte e reconstrução dos Templos numa ilha artificial, acima do nível das águas do Lago Nasser. Regresso a Assuão. Em hora a determinar localmente, transfere para o Aeroporto para tomar o voo com destino ao Cairo. Assistência à chegada, transfere para o hotel e alojamento. Excursão opcional para desfrutar da amimada noite do Cairo, que começa com uma visita panorâmica à chamada 'Cidade dos Mortos', que se estende por mais de 6 km e está repleta de tumbas e mausoléus, onde muitas pessoas vivem e trabalham entre os mortos. Continuação pela agitada rua Al-Muezz, uma das mais antigas do Cairo, com cerca de 1km de extensão, onde se encontra a maior concentração de tesouros arquitectónicos medievais do mundo islâmico, segundo a UNESCO. Subida à colina de Mokkatam para desfrutar da impressionante vista sobre a cidade do Cairo. No regresso, paragem no bazar Khan e Khalili onde, além dos produtos artesanais, podem experimentar um chá ou uma shisha. A excursão termina com um jantar num restaurante local, com vista para o Nilo.

DIA 6. CAIRO

Pequeno almoço no hotel. Em hora a determinar localmente, saída para a Esplanada das Pirâmides. A necrópole de Gize é a maior do Antigo Egipto, com sepultamentos desde as primeiras dinastias, embora tenha alcançado o seu esplendor durante a IV dinastia com as grandes pirâmides: Keops, Kéfren e Miquerinos. Visita ao Templo do Vale de Kéfren, situado a 500m da pirâmide com o mesmo nome, quase intacto por ter estado coberto de areia até ao século XIX. Junto ao Templo podemos admirar a grande Esfinge, com cerca de 20m de altura e 73m de comprimento. O rosto do monumento é geralmente considerado como sendo o do faraó Kéfren, num corpo de leão. Nos tempos antigos foi pintado em cores brilhantes: o corpo e o rosto de vermelho, e o nemes que cobre a cabeça, com listras amarelas e azuis. Almoço. À tarde visita opcional às necrópoles de Memphis e Sakkara, onde se encontra a pirâmide de Zoser, também conhecida como pirâmide de Sakkara. É considerada a primeira grande pirâmide a ser erguida do Egipto, composta por seis mastabas sobrepostas de dimensões decrescentes, da base para o topo. Regresso ao hotel e alojamento.

DIA 7. CAIRO

Pequeno almoço no hotel. Tour de dia completo, que inclui: visita ao enigmático Museu do Egipto, inaugurado em 1902, e que conta com mais de 132.000 objectos classificados, de diferentes épocas da história do Egipto. Continuação para a Cidadela, fortificação medieval islâmica, mandada construir por Saladino, para defesa contra os Cruzados, onde podemos observar a magnífica Mesquita de Alabastro, a maior no início do século XIX e a mais visível da capital egípcia, devido à sua elevada localização e à altura dos seus minaretes. O tour segue em direcção ao bairro Copta, denominação dada aos cristãos egípcios. Caminhando pelas suas ruas podemos observar inúmeros lugares mágicos como a Igreja de Santa Maria, também conhecida como Igreja Suspensa, o templo cristão mais antigo da cidade (séc. IV), a Igreja de São Sérgio, datada do século V, construída sobre uma caverna que serviu de abrigo à Sagrada Família, na fuga a Herodes, e a Sinagoga de Ben-Ezra, datada do século VII, a mais antiga no Egipto. Almoço. O passeio termina no movimentado Bazar de Khan Khalili fundado em 1382, caracterizado pelas ruas estreitas do imenso Souk apinhadas de gente, com milhares de pequenas lojas repletas de mercadorias, esplanadas de cafés e oficinas de pequenos artesãos. A não perder uma visita ao famoso café El-Fishawi, aberto 24h por dia, que desde há 200 anos é o ponto de encontro de artistas locais, de entre os quais Naguib Mahfuz, prémio Nobel de Literatura, e um dos autores mais conhecidos no Egipto. Regresso ao hotel e alojamento.

DIA 8. CAIRO - MADRID

Pequeno almoço no hotel. Em hora a determinar localmente, transfere para o aeroporto para formalidades de embarque no voo de regresso a Madrid. Chegada a Madrid, fim da viagem e dos nossos Serviços.

A ORDEM DESTE ITINERÁRIO PODE VARIAR, SEM AFECTAR O CONTEÚDO DAS VISITAS

REGULAMENTOS PARA A RETOMA DO TURISMO CULTURAL NO EGIPTO A PARTIR DE 1 DE SETEMBRO DE 2020

I - Regulamentos para Atividades Turísticas
Todos os tipos de atividades turísticas relacionadas com o turismo cultural funcionarão com, no máximo, 50% da sua capacidade total.

 

II- Regulamentos para os Meios de Transporte para Turistas (autocarros, limousines, carros de golfe, etc.)

  • Todos os meios de transporte para turistas funcionarão, no máximo, com 50% de sua capacidade total, deixando um assento vago ao lado de cada passageiro, nos autocarros e em carros de golfe, e com um máximo de dois passageiros por limousine.
  • Passageiros e motoristas são obrigados a usar máscaras faciais durante a viagem.
  • São disponibilizados desinfetantes para as mãos; depois de cada viagem é assegurada limpeza completa, desinfecção e ventilação adequada.

 

III. Regulamentos para Grupos Turísticos em Visita a Sítios Arqueológicos e Museus

  • Todos os museus e sítios arqueológicos (abertos a visitantes) podem receber egípcios e turistas a partir de 1 de setembro de 2020.
  • Todos os pontos de contato e pavimentos de museus e sítios arqueológicos são desinfetados diariamente antes do horário de funcionamento.
  • Os grupos turísticos não devem ultrapassar 25 pessoas em museus e sítios arqueológicos.
  • Os guias turísticos são obrigados a usar máscaras faciais e equipamentos de áudio no interior dos museus. Os auriculares são esterilizados após cada utilização.
  • As empresas de turismo devem fornecer máscaras faciais aos turistas e motoristas.
  • A temperatura dos visitantes é verificada antes de entrarem em museus e sítios arqueológicos interiores e a dos funcionários é verificada diariamente.
  • O distanciamento físico de segurança deve ser respeitado (pelo menos 1 metro).
  • O número máximo de visitantes permitido no interior de museus e de sítios arqueológicos é:
  • 100 visitantes por hora em todos os museus (200 visitantes por hora no Museu Egípcio em Tahrir).
  • 10 a 15 visitantes no interior de qualquer pirâmide ou túmulo (dependendo da sua dimensão).
  • As visitas de escolas, universidades e organizações governamentais a sítios arqueológicos e museus devem ser notificadas com, pelo menos, 48 horas de antecedência e não poderão ter mais de 15 pessoas por visita, com um máximo de 5 visitas por dia.

 

IV. Hotéis Flutuantes

Os Hotéis Flutuantes (barcos de cruzeiro) não podem operar nenhum cruzeiro no Nilo antes do início de outubro de 2020.

 

 

Traduzido do documento Regulations for the Resumption of Cultural Tourism to Egypt, da Egyptian Tourism Authority

Informações útetis

Clima
Muito quente e seco no Verão (Junho a Setembro), ultrapassando frequentemente os 40 ºC. e temperado no Inverno (Outubro a Maio), onde à noite as temperaturas podem descer aos 5 °C.

Língua
A língua oficial é o árabe. Nos locais mais frequentados por turistas fala-se também o inglês e, em muito menor medida, francês e espanhol.

Moeda local / sistema bancário
A moeda local é a libra egípcia. São aceites cartões de crédito (sobretudo Visa) e podem fazer-se levantamentos de moeda local em ATM’s. O Euro é aceite na maioria dos hotéis, restaurantes e lojas. Recomenda-se levar apenas notas de 5, 10 e 20€. No início de FEV2020 1€ valia cerca de 17,20 LE. Só se deve trocar moeda nos bancos ou agências de câmbio oficiais.

Regime de vistos
Os vistos de entrada são obrigatórios para todos os viajantes, devendo os passaportes ter a validade de 6 meses ou mais. Os vistos podem ser adquiridos à entrada. Para evitar perdas de tempo em filas, muitas agências e operadores tratam da obtenção do visto.

Telecomunicações 
As telecomunicações funcionam de forma satisfatória. Os telemóveis portugueses podem ser utilizados, mediante roaming. Também é possível comprar um cartão SIM localmente, mediante a apresentação de identificação. A Internet móvel é geralmente satisfatória embora o serviço apresente muitas limitações nos barcos que fazem os cruzeiros no Nilo.

Vestuário/Calçado
No verão recomenda-se levar roupa leve e confortável. Já no inverno é aconselhável levar agasalhos, principalmente para o período nocturno. O calçado deve ser fechado e confortável (ténis ou botas) já que na maioria dos templos e bazares o piso é irregular. Os óculos de sol, o chapéu ou boné e o protector solar são indispensáveis.

Comportamento e costumes
Apesar de ter costumes diferentes dos nossos, é um país ocidentalizado e liberal porque a população está familiarizada com o turismo mas é recomendável a consulta de um guia turístico se surgirem dúvidas (ex: não se pode entrar nas mesquitas calçado, de calções ou ombros descobertos).

Electricidade
A corrente eléctrica é de 220v/50hz. As tomadas de corrente são idênticas às portuguesas.

Segurança
As zonas turísticas mais visitadas, tanto no Cairo ou Alexandria, como no percurso do Nilo entre Luxor e Assuão, são muito seguras e fortemente policiadas. Como em qualquer destino, é importante seguir sempre as indicações dos guias e não se aventurar a ir para locais não recomendados.

Diferença horária para Portugal Continental
Inverno: +2h; Verão: +1h

Serviços incluídos

Passagem aérea Madrid/Luxor, Assuão/Cairo e Cairo/Madrid, em voo especial com a companhia Nile Air.
Taxas de aeroporto, segurança e combustível (260€, a confirmar na emissão dos bilhetes).
Taxas hoteleiras, de serviço e IVA.
04 noites de cruzeiro no Nilo, em Regime de Pensão Completa, no Princess Sarah ou similar.
03 noites no Cairo, em regime de alojamento e pequeno almoço, em hotel 5*.
Visitas conforme mencionado no programa: Vale dos Reis, Templo de Hatshepsut, Colossos de Memnon, Templos de Luxor, Karnak e Edfu, Kom Ombo, Templo de Philae, Esplanada das Pirâmides, tour de dia completo no Cairo, e dois almoços.
Transporte em veículo climatizado.
Gratificações gerais.
Seguro de viagem base.

Não incluído

Visto de entrada 45€/pax (pagamento obrigatório no destino).
Gratificações do guia ao critério de cada um (habitualmente 5€/pax/dia).
Qualquer serviço, visitas ou refeições não mencionadas em 'Serviços Incluídos'.
Bebidas.

Excursões opcionais

Abu Simbel de autocarro: 95€/pax.
Noite do Cairo com jantar: 50€/pax.
Memphis e Sakkara: 40€,

Notas

- Suplemento de 100€/pax nas saídas de Agosto e Setembro
- Preços por pax, em ocupação DBL ou TPL, nos hotéis Mercure Sphynx, Cairo Pyramids ou Sonesta Tower e m/n Sarah ou similares
- Suplemento SGL: 180€

Upgrades

- Steigenberger Pyramids ou Tahrir, Semiramis Intercontinental, Meridien ou Cairo Tower: suplemento 105€/pax/3 noites
- Sheraton Cairo: suplemento 200€/pax/3 noites

Copyright © 2019 SAMATRAVEL – OCCASION2REMEMBER, LDA. – RNAVT 8234
ESTE SITE UTILIZA COOKIES
Este site utiliza cookies para garantir uma melhor experiência de utilização. Ao continuar a navegar, está a concordar com a sua utilização. Consulte por favor a nossa política de cookies.